Serpa simboliza o Cante Alentejano nas JMJ – “É um orgulho especial”

O Cante Alentejano, o género tradicional de música que caracteriza a região, vai poder ser ouvido nas Jornadas Mundiais da Juventude pelas vozes do Grupo Coral e Etnográfico da Casa do Povo de Serpa e o Rancho de Cantadores de Aldeia Nova de São Bento.

leia também
Bombeiros do Baixo Alentejo rejeitam apoio às Jornadas Mundiais da Juventude

O concelho de Serpa representa o melhor da região e o presidente da autarquia, João Efigénio Palma, não escondeu que este simbolismo “é um orgulho especial”, mas “o que está aqui em causa, o que é dignificado, é o Cante Alentejano. Isto só se consegue graças ao trabalho que os inúmeros grupos em Serpa, em todos os concelhos e na diáspora, continuam a fazer na preservação do Cante e deste património que desde 2014, é Património Cultural Imaterial da Humanidade. É uma honra para todos os grupos e cantadores”,

O Grupo Coral e Etnográfico da Casa do Povo de Serpa actua no dia 02 de Agosto às 15h00 no Largo da Luz, em Lisboa e o Rancho de Cantadores de Aldeia Nova de São Bento vai cantar para o Papa Francisco na missa de acolhimento, no dia 03, às 15h00, no Parque Eduardo VII.
As Jornadas Mundiais da Juventude iniciam amanhã, dia 01 de Agosto e terminam no domingo, dia 06.

Scroll to top
Close
Browse Tags